sábado, 18 de julho de 2009

Esse aê é o meu preferido *--*

Você viveu em minhas mentiras...
Peço desculpas pelas mentiras que contei...
Não as considero mentiras, pois elas viveram em meus sonhos...
Mas fazer o que? Se a verdade era falsa?
Talvez fosse errado mentir,
Mas achei que assim iria doer menos...
Talvez a raiva era tanta pra cometer a tal...
Mas às vezes é melhor fazer de conta que é real...
Porque a vida é uma mentira...
Não se deixe enganar pelo que você esta sentido
Isso não passa de uma ilusão
De uma falsa verdadeira situação...
Talvez eu quisesse que fosse real...
Mas talvez dentro de mim
Essas histórias existissem...
Talvez eu adiantasse a verdade com mentiras,
E talvez a mentira verdadeira não chegou...
Talvez eu quisesse te magoar com uma verdade
Mas ela não existia e cometi a tal mentira...
Talvez eu tenha me arrependido
Mas mesmo assim,
Talvez eu não pare...
Pois a mentira é real...
Não se deixe levar por essa falsa ilusão,
Seus batimentos não são reais,
Talvez quando eles pararem
Minhas mentiras se convertam em verdade...
Mas nesse mundo nada é real,
Talvez a verdade você não enxergue,
Enquanto enxergar a história de tal maneira...
O que você vê talvez não exista,
E aquilo que está escondido por trás das minhas mentiras talvez seja real...
Não sei se esse brilho que enxergo através de você irá durar até o além,
Até que minhas mentiras se tornem reais...
Talvez isso tudo se ofusque através dessa maré negra de ilusões...
Mas talvez eu não precisasse dizer a verdade sobre mim,
Pois ninguém tem haver com isso,
Pois podia ser real,
Então se eu quiser,
Faz de conta que mentiras são reais...
Talvez você devesse me perdoar,
Pois talvez eu devesse te magoar,
E se a tal fosse real?Qual a diferença?
Talvez você devesse esquecer...
Você sabe que eu sou assim,
Talvez você devesse se conformar...
Pois você já estava à se acostumar...
Talvez minhas mentiras não fossem totalmente inúteis e cruéis,
Talvez minhas mentiras fosse o verdadeiro jeito de enxergar a história,
Talvez você devesse me perdoar...
Você sabe que não dava pra controlar...
Essa vontade de te enganar,
Porque sabia que você fizera o mesmo,
Mas talvez agora fosse sua vez de fazer igual
E ignorar...
Talvez as lágrimas não fossem reais...
Você sabe que mentiras me fizeram feliz

2 comentários: